Dicas e boas práticas

Olá! É com grande satisfação que te recebo em nossa área de orientação do uso correto da mochila. Aqui você vai encontrar muito conteúdo baseado em nossa experiência e de nossos usuários. Encontre também as dicas de uso e segurança. É muito importante conhecer todas as características e informações do uso da mochicão.

Envie seu feedback, pois isso é muito importante para nossas melhorias e adaptações. Além disso você poderá ajudar outros usuários da mochila. 

A preparação!

Antes de iniciar o passo-a-passo entenda o conceito dessa nova experiência para seu cão. As primeiras vezes, o pet não saberá do que a mochila se trata, nem mesmo como se comportar dentro dela e poderá sentir medo.

Faça as primeiras experiências em locais conhecidos de seu cão, aqueles em que ele se sente bem seguro. Evite locais movimentados, barulhentos e/ou com outros Pets, no caso dos mais agitados. Afinal, sabemos que cada cachorro possui um temperamento e personalidade própria, então a adaptação é diferente de cão para cão.

O importante é ter paciência e calma que logo seu cão vai se animar quando ouvir o som da mochila saindo do armário para o passeio!

Erros recorrente

Alguns dos erros mais recorrentes serão detalhados abaixo. Verifique sempre e com o tempo seu cãozinho irá se acostumar facilmente com a mochila.

Patas dianteiras baixa

Dessa forma o cão não fica apoiado nas patas. Quando colocado corretamente ele se apoia como se estivesse em pé. Geralmente ocorre nos primeiros usos. Fique atento, depois de um tempo, pode ser um sinal de que ele está cansado.

Mochila virada para frente

Não recomendamos o uso que não seja nas costas da mochicão. Isso porque os cães instintivamente vão querer olhar para frente também. O uso recorrente dessa forma, pode causar desconforto e até dores com o tempo. Por isso, use sempre nas costas.

Regulagem baixa

Observe a posição da mochila em suas costas. Essa não é uma mochila comum, lembre-se de que seu pet está atrás de você e se deixá-lo para baixo além de não ver nada, a posição da mochila pode ficar incômoda e desconfortável. Ele vai ficar jogado/pendendo para trás.

Boas práticas

Sempre que for pedalar, observe algumas dicas de uso importante: 

Locais para usa-lá

Antes de tudo, nunca se arrisque ou seu PET. Só ande em locais de grande movimentação, quando seu amigo esteja seguro. Faça testes, para ver se ele está firme e não consegue sair. Nunca deixe de usar o cinto de segurança, com a coleira peitoral (jamais com a de pescoço).

Tempo de uso

O tempo de uso, pode variar de cão para cão. Até uma hora, os cães reagem bem. Comece com passeios curtos e vá aumentando com o tempo. Temos relatos de cães que andam mais de 4 horas. Observe os sinais de cansaço e sempre pare para ele esvaziar sua bexiga e dar aquela esticadinha nas perninhas e sempre lhe ofereça água!

Outros cães

Alguns cães, ficam agitados quando vêem outro pets. Quando estão nas costas, se sentem ainda maiores. Faça testes para saber a reação de seu cão. Geralmente eles latem e tentam se virar. Ao fazer o teste, você saberá qual a reação dele. Assim pode treiná-lo, para que se acalme e também fica preparado para a reação dele.

Cuidados c/a mochicão

Não coloque peso sob a mochila. Risco de quebra ou deformação da placa interna de moldagem. Lavagem manual. Para higienização, abra os fechos e limpe com uma escova ou pano úmido. Não passe! Antes do uso, observe a costura. Em caso de dúvidas, entre em contato! 

Ajustes e regulagens

Projetamos a mochicão, para que os ajustes e regulagens feitas nela, sejam práticos. O diferencial são os fechos que não se desregulam. Assim que bem acomodado, para tira-lo, você apenas abrirá os fechos. Quando colocar novamente, os fechos já regulados serão travados. Lembre-se! Seu cão precisa ficar firme na mochila, não apertado.

Uso em cães especiais

Antes de adquirir o Mochicão para uso em cachorros com alguma deficiência ou por idade avançada, consulte o veterinário! Alguns tipos de lesões podem ser agravadas com o uso da mochila. Uma opinião profissional é indispensável antes do uso.
O Cãozinho @fredparaplegic teve recomendação se uso pelo seu veterinário. 

Cuidados no pedal

- Sempre que passar por árvores, galhos, cabos, cercas ou qualquer outro obstáculos, lembre-se que ele está acima de sua cabeça!  
- Evite usar a mochila logo após a refeição,
- Faça passeios com paradas. Leve junto a guia da coleira no bolsinho lateral. Seu cachorro precisa fazer um xixizinho e dar aquela esticada nas pernas,
- Nas paradas, não esqueça da água! Mantenha seu cãozinho hidratado.

Teste de segurança

Antes de sair, coloque seu cão já na mochila regulada, no chão. Veja se ele consegue sair. Se conseguir é porque a regulagem está incorreta. Entre em contato para orientação e definição da possível causa. Lembre-se que até o tamanho da mochila pode estar errado, sendo essa a causa, efetuaremos a troca. 

Onde não usar!

- Esportes ou atividades de médio e alto impacto como o cooper ou corrida, 

- Esportes ou atividades aquáticas como surf, jetski, whingsurf,

- Esportes ou atividades aéreas, como voo livre, parapente, voo em aeronaves abertas,

- O uso da mochila, não é aconselhável para crianças sem supervisão de pelo menos um adulto responsável. 

Posso usar a Mochicão na moto?



A mochicão não se responsabiliza por multas e ou danos próprio e de terceiros. A mochicão é um acessório fabricado para uso à pé e principalmente de bike. O uso em motocicletas é por sua conta e risco. Dado o disclaimer, vamos à que apuramos. 

Afinal, posso ou não andar de moto? Sim, mas….! O Mochicão consultou o escritório da guarda municipal em Blumenau, quanto a proibição ou não do uso em perímetro urbano. 

Fomos informados de forma verbal, de que não existe nenhuma regulamentação que proíba seu uso e que a mochila não quebra nenhuma norma de trânsito. Mas infelizmente não é possível obter um documento que relate essa regra. A agente que nos atendeu, garantiu que isso não é necessário. 

Sem um documento por escrito e validado pelo Órgão de Trânsito, em caso de autuação, não há argumentos. Isso pode depende muito da interpretação/humor do agente de trânsito. Uma sugestão é validar com o escritório de guarda municipal de sua cidade. 

Com relação a segurança e ajustes... É sim possível leva-lo com segurança. Siga todas as recomendações do nosso guia. Seguem mais algumas recomendações para uso em motocicletas. 

- Utilize o Mochicão algumas vezes de bike. Isso vai dar mais segurança para você e seu pet, antes de encarar o trânsito com a moto,

- Pratique em ruas não movimentadas. Trânsito movimentado, só quando você e o pet estiverem bem seguros,

- Cuidado com a velocidade! Apesar do amortecedor os solavancos sofrido na moto, são mais bruscos e são mais fortes. Isso pode ser perigoso para seu Pet,

- A incidencia de vento e risco de choque com incetos aumenta drasticamente em motocicletas. Utilize óculos de proteção em seu pet.

- Pets não usam capacete. Em casos de acidente os riscos de ferimento são altíssimos! Use com prudência e segurança! Siga as regras do Trânsito que seu Pet, vai curtir de mais os passeios. 

Alguns itens que valem o seu conhecimento



A tentativa de seu cão sair da mochila pode expor ele e você a riscos. Existem vários motivos pelos quais o cão poderá tentar sair da mochila. Quando você sentir que ele está incomodado, pode ser a hora de dar aquela paradinha. Seu cão pode não estar acostumado com o uso do acessório. Susto com movimento ou barulho alto pode acontecer. Ao ver seu tutor chegando (quando não é ele quem está carregando) alguém chamando ou até mesmo a passagem de outros cães. Os cães quando estão mais alto se sente mais poderoso e virar um baita encrenqueiro.

Se o seu pet faz esse tipão do covarde o cão coragem, então recomendo muito que realize testes em uma situação mais controlada. Dessa forma, você consegue prever o comportamento e saber como reagir a situação. 

Além da segurança que as alças caninas proporcionam (lembre-se que devem estar em X) e com a regulagem do fecho horizontal adequada, seu cão deve sempre usar o mosquetão de segurança. Se ele estiver acomodado adequadamente, ou seja... firme mas não apertado, ele não deverá conseguir sair. O uso do mosquetão na coleira peitoral é preventivo e muito importante de ser usado sempre. 

Em pé e com o cão devidamente acomodado e corretamente preso no Mochicão, simule a situação. Chegue perto de outros cachorros afim de provoca-lo. Ou peça que outra pessoa conhecida de seu cão, o chame, provoque ou ofereça um petisco, por exemplo. Seu ajudante deve ficar preparado para a reação. Se o cão estiver na mochila preso adequadamente, ele não vai sair de forma alguma. Caso ele saia, verifique as instruções e tente descobrir o que há de errado. Mas além disso, perceba as reações dele. As unhas dele te arranham? Tenta te morder? Andando de Bike, isso pode te atrapalhar? O benefício de fazer esse teste é ajustar a Mochila e se preparar para imprevistos. 

Quedas de Bike! Em geral, as quedas acontecem inesperadamente e é difícil de prever e de se evitar. Pedale com segurança! Baixa velocidade, prudência treino e responsabilidade são fundamentais. Mas quando for inevitável, você precisa evitar ao máximo o contato direto e o impacto das costas/mochila ao chão. Ande com prudência!